659 20/1/2015

Uma parceria com:

Está na hora de você aprender Photoshop!

Deixe seu nome e e-mail que te informamos logo logo quando ele estiver pronto
Valorizamos sua privacidade. Seu e-mail não será compartilhado com terceiros!

Mass Effect

A Bioware se consagrou no cenário dos RPGs ocidentais com suas narrativas envolventes e personagens interessantes. Após o grande sucesso de Star Wars: Knights of the Old Republic e Jade Empire, havia grande expectativa em torno de Mass Effect. O resultado corresponde a toda essa expectativa? Posso dizer com confiança que sim. Em Mass Effect você irá explorar uma galáxia extremamente complexa e vasta, com uma surpresa em cada instante e isso tudo com uma dinâmica de gameplay que funciona muito bem.

Apresentação

Tudo em Mass Effect é escolha. No controle do comandante Shepard é possível definir sua aparência, seu passado, seu sexo e, principalmente, sua história. Suas escolhas terão influências em Shepard, seus companheiros e em todo universo do jogo. A Bioware mostrou mais uma vez para o mundo a arte de criar narrativas em jogos de rpg e ao longo do jogo o personagem de Shepard cresce e toma os contornos que o jogador quiser; influenciando e sendo influenciado pelo mundo ao seu redor. As decisões tomadas ao longo de Mass Effect alteram não só os acontecimentos do jogo como também os de seus sucessores Mass Effect 2 e 3 e você poderá importar seu jogo terminado de Mass Effect em Mass Effect 2 para dar continuidade as suas decisões na história.

Mass Effect começa devagar, mas de pouco em pouco o jogador começa a entender esse universo de ficção extremamente rico. Shepard vive em um contexto no qual humanos são novatos na exploração espacial; ainda procurando um espaço nessa sociedade galáctica que a pouco conheceram. Existe uma infinidade de espécies alienigénas cada uma com suas particularidades, organizações e tecnologias. Tudo em Mass Effect é conectado: alianças, organizações, acontecimentos, tudo faz parte de um único universo coerente e denso que a cada parte do jogo se descobre mais e mais…o que, devemos dizer, torna Mass Effect uma experiêcia quase que obsessiva. Além disso, dentro do jogo há uma enciclopedia com diversas informações sobre o universo de Mass Effect, como história das especies, explicação sobre tecnologias, acontecimentos históricos, entre outros; e boa parte das entradas contém o texto lido em voz alta.

A escolha é um fundamento central no jogo. A cada decisão a se tomar o jogador pode escolher entre o lado bom ( Paragon) e o lado mau (Renegade), fazendo com que a história principal do jogo seja muito moldada de acordo com o lado que se prefere tomar. Contudo, além da história principal há uma infinidade de missões opcionais no jogo. Muitas das missões opcionais são tão interessantes quanto a principal e todas elas tem uma consequência por menor que seja no universo Mass Effect (mesmo que seja nos jogos seguintes da franquia). No entanto a reutilização excessiva de cenários deixa as missões opcionais bastante repetitivas, o que pode irritar alguns jogadores.

Tão importante quanto a história são os personagens de Mass Effect. Cada um dos companheiros de Shepard tem personalidades únicas e ao longo do jogo é possível conversar com eles. Aos poucos Liara, Garrus e outros irão contar suas histórias de sua vida ao capitão e revelarão ainda mais de suas personalidades e motivações. Todos eles são excepcionalmente bem escritos incluindo vocabulário e jeito de falar. Não podemos falar dos personagens sem dar um destaque para o próprio Shepard que, independentemente da forma como o jogador o conduzir, seu personagem cresce de maneira sensacional, ganhando contornos morais e de liderança que poucas vezes são vistas nos videogames. Participar de toda essa tragetória de Shepard é definitivamente muito divertido, seja qual for o caminho que você escolher para ele.

Som e Gráfico

No plano gráfico, Mass Effect se destaca pela incrível modelagem dos personagens. Os rostos são muito detalhados e podem exibir todos os tipos de expressões faciais, incluisive na expressão correta das falas. O jogo é muito bonito visualmente, mesmo considerando que foi lançando em 2007, mas há alguns problemas como queda de framerate em algumas partes e texturas demorando para carregar. Já os cenários não são tão bem acabados (dizer que são ruins seria injustiça) mas definitivamente não são impressionantes quando pensamos no grande tamanho do jogo. Vale apontar um ponto negativo que é a reutilização de cenários durante as missões opcionais, que são levemente alterados a partir de modelos prontos.

Sobre o som o destaque maior vai para a dublagem. Todos os atores são estrelas que fazem um trabalho maravilhoso e ajuda ainda mais a imergir os jogadores no universo do jogo. TODOS os diálogos de Mass Effect são dublados com a mesma qualidade, isso por si só é impressionante considerando a enorme quantidade de diálogo no jogo. A qualidade da atuação contribui para o jogo em todos os sentidos garantindo melhor caracterização dos personagens com jeitos de falar, expressões características e sotaques. Também, a música de Mass Effect apresenta grande qualidade, principalmente nos momentos mais emocionantes da trama. Não posso dizer que é uma obra-prima, mas funciona muito bem para o jogo e faz bem seu papel de contextualizar as situações.

Gameplay

Um shooter em terceira pessoa com elementos de RPG fortes. Há quem diga que o principal ponto de Mass Effect é a história. Mas não acho que a dinâmica de jogo fica muito atrás não. Além da escolha do caráter do ‘seu Comandante Shepard’, há seis classes diferentes para se escolher; cada uma com habilidades únicas que vão ser importantes em determinadas partes do jogo. A cada missão finalizada, o jogador vai aumentando o seu nível e pode distribuir pontos para habilidades específicas, que vão desde destreza com armas à utilização de poderes bióticos. Os poderes bióticos (biotics) são o resultado da interação com outras raças no universo e podem ser descritos como habilidades mentais de manipular o ambiente e se eu falar mais pode ser um spoiler. O que importa é que são habilidades muito interessantes e que fazem do sistema de batalha um lugar com muitas possibilidades e nem um pouco cansativo.

Fora isso, haverá momentos, principalmente na exploração de planetas, que o jogador vai usar o tanque de guerra chamado Mako. Infelizmente esse veículo não foi tão bem produzido como outras partes do jogo, pois os planetas são enormes, com terrenos muito irregulares e o Mako nem sempre consegue chegar com facilidade nos lugares que desejamos. Acaba se tornando uma parte chata. Vale lembrar, também, que os menus não são tão fáceis de navegar e o inventário é terrível em quase todos os sentidos, o que dificulta a modificação de armas e atribuição de alguns poderes diferentes ao personagem. Finalmente a falta de tutorial torna a dinâmica do jogo um pouco dificil de entender de inicio, o que pode fazer os mais impacientes desistirem de uma experiência que certamente seria extremamente gratificante.

Replay

Jogar Mass Effect de novo muitas vezes parece jogar um jogo totalmente novo. Isso ocorre justamente pelo enorme número de decisões e missões opcionais existentes no jogo e como cada classe tem habilidades específicas, nem o sistema de batalha fica igual. Em jogo você pode ser um paladino da moral ajudando a todos ou um mercenário sanguinário e egoísta que só pensa em si mesmo. Os diálogos mudam e, naturalmente, o final da sua história. Dessa forma há muito a se ver ainda em Mass Effect mesmo depois de terminado o jogo pela primeira vez.

Veridito

Mass Effect é a formula de rpg da Bioware, refinada e polida. O efeito cinemático de sua narrativa é brilhante envolvendo o jogador com seu universo denso e rico, vibrando com possibilidades em cada canto da galáxia. A interatividade com a história proporcionada por Mass Effect é algo nunca antes visto na história dos videogames. Quem precisa de jogos lineares quando temos algo assim?

A jogabilidade do shooter é excelente, apesar da falta de tutorial e horroroso sistema de menus. Alguns defeitos técnicos fazem com que Mass Effect seja maior que a soma de suas partes. No entanto a qualidade da experiência garantida pelo jogo e sua narrativa supera seus defeitos fazendo de Mass Effect uma necessidade para qualquer fã de rpg.

Uma parceria com:

Está na hora de você aprender Photoshop!

Deixe seu nome e e-mail que te informamos logo logo quando ele estiver pronto
Valorizamos sua privacidade. Seu e-mail não será compartilhado com terceiros!

9.2

Mass Effect é a formula de rpg da Bioware, refinada e polida
  • + Jogabilidade
  • + história
  • + gráficos
  • - curva de aprendizado íngreme